Receba as atualizações por E-mail

sábado, 31 de março de 2012

Filtro de Ouvido!

Depois de uns dias estou eu aqui de volta. O post já estava mais ou menos escrito, mas incentivada por uma leitora especial (né Dona Lenita), resolvi vir aqui e postar, mas acabei mudando um pouco o foco do post.

Estou com 113 dias de operada e aprendi muita coisa nesses quase quatro meses. Algumas pessoas podem me criticar pelo que vou dizer. Mas devemos filtrar todas as informações que recebemos. Tanto de operados, quanto de familiares, e até mesmo da própria equipe médica. 

Falo isso porque alguns operados "aprendem" algumas coisas e acabam passando a informação errada para quem ainda vai operar. Dos familiares, devemos absorver tudo que for de positivo, algumas pessoas adoram contar um caso do filho da prima do vizinho do cachorro do colega, que operou e morreu, ou que operou e voltou a engordar de novo. Ainda dos familiares, e dos amigos próximos, devemos ter uma paciência enorme após a cirurgia, pois todos eles vão fazer as mesmas perguntas milhares de vezes:
- Já emagreceu quanto?
- Você come isso? Mas não vai engordar tudo de novo?
São perguntas, que feitas incessantemente, acabam nos deixando de saco cheio.
Agora no campo da equipe médica, aqui que eu acho que levarei uns puxões de orelha. Alguns médicos, apesar de bons no que fazem, acabam pensando muito no dinheiro, e deixam de lado parte da qualidade do atendimento. 

Acho que isso aqui foi apenas um desabafo, pois essa semana, ouvi tanta gente falando sobre amigos, família, médico, operados, que falam coisas que nos magoam, e o que cada um precisa no momento de operar é uma palavra de carinho, atenção.

Agora para falar um pouco sobre o que me aconteceu nesses últimos dias. Fui no clínico, meus exames estão todos normais e agora só volto em junho. Já perdi 33kg. Postarei uma foto comparativa. Estou feliz demais.


quinta-feira, 8 de março de 2012

90 dias de operada...

Comecei a planejar o que postar a alguns dias, sobre o que escrever quando completasse três meses de cirurgia. Hoje chegou o grande dia, hoje é o meu terceiro “mesaniversário”.

O dia em que fiz a cirurgia, se tornou para mim como um renascimento. Durante tanto tempo a obesidade foi como amarras, que me deixavam muito mal, e me libertar disso, tem me feito muito bem.

Durante esses três meses passei por tanta coisa, a mudança foi além da aparência física. Falando em aparência, com três meses de cirurgia, eu perdi 30kg, eu ainda me assusto com esse número.

Vou contar sobre algumas mudanças que ocorreram comigo.

Primeiro, meu paladar mudou totalmente. Não consigo comer mais doces, sabores fortes não me agradam mais.

Segundo, água. Beber água hoje é uma tortura para mim, confesso que hoje bem menos que a uns meses atrás, mas bebo água e ela cai no estomago como uma bomba. Me causa muito enjoo. Isso só não acontece se eu estiver caminhando, dessa maneira consigo beber água sem problema algum.

Terceiro, queda de cabelo. A alguns dias, conversando com a Sabrina, minha companheira de operação, ela me disse que o cabelo dela estava caindo aos tufos, e eu dei graças a Deus porque os meus ainda continuavam na minha cabeça. Mas acho que era questão de prestar atenção. E foi eu fazer isso, que percebi que o meu cabelo também estava caindo, não tanto quanto o da Sabrina, mas estava caindo sim.

Quarto, a perda de peso. Como mencionei acima, perdi 30kg. E isso pra mim é uma marca maravilhosa. Peso hoje 77kg, e estou quase chagando no meu peso normal. IMC de 26, o primeiro da obesidade leve, quase saindo para o peso normal.

Quinto, apneia. Antes de operar, tinha muitas crises de apneia. De acordar quase morrendo sufocada. Mas incrivelmente, depois que operei não tive mais nenhuma crise.

Sexto, a sobra de pele. Graças a Deus tomei a atitude de operar ainda nova, minha pele possui uma elasticidade maravilhosa, e agora que estou liberada para malhar, tenho certeza que vai ajudar muito. Mas nem tudo são flores, a parte interna das minhas coxas estão extremamente flácidas, e com certeza, precisarei de cirurgia reparadora. Já orientada pelo meu médico, terei que fazer lipo nos culotes, e a plástica nas coxas. Na barriga não sei se precisarei, só se for questão de estética mesmo.

Mais feliz do que estou hoje, impossível. Apesar de contratempos como beber água, a queda do cabelo e a flacidez, sei que são coisas passageiras e logo estarei 100%. E quero dividir a minha alegria com vocês.

Aqui está mais uma foto minha, comparando o antes com o durante. 


sábado, 3 de março de 2012

Problemas pós cirurgia

Bem pessoal, é comum surgirem alguns problemas após a cirurgia. Entre eles, a perda de cabelo, o enfraquecimento das unhas, a flacidez, a sobra de pele, etc.
Semana que vem, farei 3 meses de operada. E hoje comecei a notar o problema da perda de cabelo. Ao tomar banho, percebi que saiu muito cabelo, muito mesmo. Mas não me preocupo, pois sei que é normal de todo processo.
O que tem acontecido comigo também é a flacidez. Somente após os 3 meses de operada, poderei fazer exercícios físicos, então perdi quase 30kg e só sobrou muita coisa mole...rs.
Os seios já estão bem murchos, infelizmente.
Todos devem ter consciência que são coisas passageiras, que se resolvem com malhação, cirurgia plástica, ou com o tempo. Então nada de ficar apavorados.
Essa semana voltei com mais detalhes sobre os 3 meses de cirurgia.